Arte com Ciência é um projeto inicialmente desenvolvido numa parceria entre o Instituto de Pesquisas em Tecnologia e Inovação (IPTI), a Universidade Federal de Sergipe (UFS) e a Secretaria de Estado da Educação de Sergipe (SEED-SE), com financiamento da Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP).

Atualmente o projeto conta com outros parceiros: SESI Nacional, Petrobrás, Liceu Edouard Herriot (Lyon, França)

sexta-feira, 15 de janeiro de 2016

Leandro Maciel recebe atividades do Projeto Educação e Cultura Digital

Os alunos do Colégio Estadual Leandro Maciel já estão participando das atividades de formação do Projeto Educação e Cultura Digital.

A Oficina de Cultura Digital movimentou a escola, os alunos de Pacatuba começaram dezembro aprendendo e mergulhando no audiovisual. E entre os dias 13 e 14 de janeiro já começaram a editar os objetos produzidos. 




Os alunos trabalharam temas relacionado a cultura mexicana, Educação Física e Artes. Todos muito empenhados na produção dos figurinos e locações. Com o auxílio dos alunos reaplicadores e a supervisão e apoio do professor Adelino, de Artes e Elaysa, Aspanhol puseram a mão na massa e usaram a criatividade na abordagem dos temas. 



Esta re-aplicação prevê atividades em mais 4 unidades de ensino da rede estadual, em municípios de várias regiões de Sergipe. Com a perspectiva de sistematizar uma metodologia que permita a disseminação para outras unidades interessadas.

terça-feira, 1 de dezembro de 2015

O Centro de Excelência Manoel Messias recebe Oficina de Cultura Digital

Os alunos do Centro de Excelência Manoel Messias começaram as atividades de formação do Projeto Educação e Cultura Digital. Os jovens do município de Nossa Senhora da Glória receberam a Oficina de Cultura Digital no último mês de novembro, com a participação dos alunos reaplicadores do Colégio Estadual Djenal Tavares Queiroz, de Moita Bonita.


A Oficina de Cultura Digital animou a escola durante as atividades teóricas apresentando aos alunos conceitos de Fotografia, Som e Elaboração de Roteiros de objetos educacionais, e práticas com a produção e filmagem dos objetos educacionais. Todo o Colégio se tornou temporariamente um set de filmagem, as equipe organizadas em grupos buscaram suas locações, figurinos e acessórios e deram aula de animação e organização. 



O professor Cleriston Mendes acompanhou as etapas de seleção do tema e produção dos objetos auxiliando inclusive nas filmagens. Os grupos produziram quatro objetos que serão finalizados na segunda etapa com a Oficina de Edição que acontece entre 09 e 11 de dezembro. Após a edição os objetos serão disponibilizados na plataforma Guigoh e poderão ser acessados por todos os alunos e professores cadastrados na rede.


Esta re-aplicação prevê atividades em mais 5 unidades de ensino da rede estadual, em municípios de várias regiões de Sergipe. Com a perspectiva de sistematizar uma metodologia que permita a disseminação para outras unidades interessadas.





quarta-feira, 28 de outubro de 2015

Oficinas de Cultura Digital começam em Itabi e Aracaju

O mês de outubro foi cheio de novidades para o Colégio Estadual Presidente Costa e Silva, em Aracaju, e para o Colégio Estadual Maria das Graças M. Moura, em Itabi. As escolas receberam a Oficina de Cultura Digital do projeto Educação e Cultura Digital.


Alunos e professores participaram com muito entusiasmo e dedicação. Os jovens participantes tiveram acesso a conhecimentos teóricos e práticos nas áreas de fotografia, som, roteiro e produção de objetos educacionais. Ao fim da oficina eles geraram e encaminharam conteúdos que serão editados e em breve estarão disponíveis na plataforma Guigoh.


No Colégio Costa e Silva os alunos apostaram na criatividade dos temas e abordagens. Já em Itabi o forte foi o uso criativo das paisagens e o bom humor para tratar os temas escolhidos. Os jovens trabalharam temas nas áreas de biologia, história antiga, matemática, e manifestações culturais.



No mês de novembro os grupos vão poder finalizar seus primeiros objetos, após a oficina de edição de vídeo.
Esta re-aplicação prevê atividades em mais 8 unidades de ensino da rede estadual, em municípios de várias regiões de Sergipe. Com a perspectiva de sistematizar uma metodologia que permita a disseminação para outras unidades interessadas.



Alunos do projeto Arte com Ciência participam da Semana de Ciência e Tecnologia.

Os alunos do Colégio Estadual Raimundo Mendonça de Araújo, Indiaroba participaram, na manhã deste dia 28 de outubro, das atividades da Semana de Ciência e Tecnologia.




Os alunos desenvolvem atividades científicas através da rádio escolar “Estação Raimundão”, projeto proposto pelas professoras Carla da Conceição Andrade, Adriana Ferraz de Brito, Emanuelle Telles e Ana Carla Oliveira e aprovado no Programa Institucional de Bolsa de Iniciação Científica Júnior – PIBIC Jr. A rádio visa entre outras coisas viabilizar a produção de programas de cunho científico de pesquisa e difusão científica. 

terça-feira, 29 de setembro de 2015

Oficina de Edição chega ao Djenal Tavares de Queiroz

O Colégio Estadual Djenal Tavares de Queiroz recebeu na segunda semana de setembro a Oficina de Edição de Vídeo, esta é uma das etapas do processo de formação em Cultura Digital.
Os jovens foram apresentados aos processos técnicos da edição não-linear e tiveram a chance de se deixar envolver pela magia da montagem e finalizar os objetos que haviam produzido na primeira etapa, realizada em agosto.

Durante a oficina os alunos e professores se cadastraram na plataforma Guigoh e iniciaram o processo de compartilhamento de informação e conteúdo com os colegas.
Ao final da oficina os vídeos finalizados foram exibidos para alunos e professores.


Esta re-aplicação prevê atividades em mais 9 unidades de ensino da rede estadual, em municípios de várias regiões de Sergipe. Com a perspectiva de sistematizar uma metodologia que permita a disseminação para outras unidades interessadas.


quarta-feira, 23 de setembro de 2015

Murilo Braga recebe as Oficinas de Cultura Digital

Em setembro foi a vez de o Colégio Estadual Murilo Braga receber as oficinas e atividades de formação do Projeto Educação e Cultura Digital. Entre os dias 14 e 18 de setembro a equipe de reaplicadores esteve em Itabaiana para dar início as atividades do projeto.


A Oficina envolveu alunos de 1º ano e 2º ano do ensino médio que tiveram contato com noções técnicas e práticas nas áreas de Fotografia, Som e Elaboração de Roteiros de objetos educacionais. Organizados em grupos os jovens partiram para a etapa de produção dos objetos, com a seleção do tema, a escolha do formato e busca de locações, figurinos e acessórios.


O grupo teve o acompanhamento das professoras Claudete e Jossane, e a supervisão dos monitores e suporte dos professores e coordenação. Produziram quatro objetos que serão editados na segunda etapa com a Oficina de Edição. Após a edição os objetos serão disponibilizados na plataforma Guigoh e poderão ser acessados por todos os alunos e professores cadastrados na rede.


Esta re-aplicação prevê atividades em mais 8 unidades de ensino da rede estadual, em municípios de várias regiões de Sergipe. Com a perspectiva de sistematizar uma metodologia que permita a disseminação para outras unidades interessadas.


terça-feira, 8 de setembro de 2015

Educação e Cultura Digital começa no C.E. Djenal Tavares de Queiroz

Tiveram início no dia 26 de agosto as atividades de formação do Projeto Educação e Cultura Digital, o primeiro a receber a Oficina foi o Colégio Estadual Djenal Tavares de Queiroz, que fica em Moita Bonita.

A Oficina de Cultura Digital teve a participação de 20 jovens selecionados pela coordenação da escola. O grupo de alunos do 1º ano e 2º ano do ensino médio tiveram acesso a noções técnicas e práticas nas áreas de Fotografia, Som e Elaboração de Roteiros para objetos educacionais.

Separados em grupos, e após escolher os conteúdos da grade que gostariam de abordar, os alunos com a supervisão dos monitores e suporte dos professores e coordenação produziram objetos ligados a física, história moderna e antiga, e geografia política.



Durante as gravações eles usaram equipamentos disponíveis na própria escola e trabalharam conceitos básicos de luz, cor, imagem em movimento, captação de som, noções de narrativa audiovisual, habilidades pessoais e ao final da oficina haviam produzido quatro Objetos Educacionais em vídeo que serão finalizados na oficina de edição que acontece entre os dias 15 e 18 de setembro.




Esta re-aplicação prevê atividades em mais 9 unidades de ensino da rede estadual, em municípios de várias regiões de Sergipe. Com a perspectiva de sistematizar uma metodologia que permita a disseminação para outras unidades interessadas.

sexta-feira, 7 de agosto de 2015

Intercâmbio e Cultura Digital

Interação, conhecimento e ferramentas digitais, deram forma às atividades de mais uma edição do Intercâmbio Audiovisual entre alunos de Lyon, Rhône-Alpes, e alunos do Sul Sergipano. Este ano o projeto aconteceu entre os dias 14 e 25 de Julho, envolvendo alunos do Colégio Estadual Comendador Calazans, Santa Luzia do Itanhy e do Colégio Estadual Raimundo Mendonça de Araújo, Indiaroba.


Os alunos participaram de oficinas de capacitação audiovisual obtendo noções técnicas e práticas nas áreas de fotografia, iluminação e som, além de produzirem em parceria roteiros para a realização de objetos educacionais.

Em paralelo, as atividades de formação, os alunos, professores e as escolas brasileiras promoveram atividades de interação cultural, com a apresentação de manifestações regionais, visitas a espaços de cultos religiosos diversos, e em contato com a natureza. 


Na segunda semana de atividades os alunos, organizados em grupos mistos produziram Objetos Educacionais em vídeo, utilizando conceitos básicos de luz, cor, imagem em movimento, captação de som, noções de narrativa audiovisual, habilidades pessoais e conteúdos da grade de ensino com a supervisão dos monitores, franceses e brasileiros, gerando ao todo cinco objetos com os temas: Fotossíntese; Política na França e no Brasil; Lavoisier; O uso dos Porquês; e A Globalização. 



Ao fim da visita, quatro dos objetos foram exibidos para a comunidade do Povoado Crasto, onde o grupo francês ficou hospedado. Estes objetos educacionais estarão disponíveis na plataforma Guigoh. A exibição aconteceu na Escola Infantil Sítio do Pica Pau Amarelo e teve ainda a apresentação, por parte dos alunos franceses da proposta de construção de uma praça no povoado, que foi elaborada durante a estadia deles e desenvolvida em parceria com a comunidade. 



Esta atividade é fruto de parceria estabelecida entre o IPTI, a associação francesa “Solidariedade além do oceano” e a Cacimba de Cinema e Vídeo, que prevê uma experiência piloto na França, com a perspectiva de que possamos sistematizar uma metodologia que permita a disseminação em instituições de ensino francesas que trabalhem com o ensino da Língua Portuguesa. 
 

terça-feira, 23 de junho de 2015

Oficina de Cultura Digital no Colégio Estadual Dr. Antônio García Filho

Nos dias 17, 18 e 19 de junho foi realizada a Oficina de Produção Audiovisual, que faz parte do conjunto de oficinas do Projeto Arte com Ciência, no o Colégio Estadual Garcia Filho, utilizando as ferramentas desenvolvidas pelo IPTI ligadas a linguagem audiovisual para promover o desenvolvimento do olhar sobre temas do conhecimento humano.


A entrega, montagem e teste dos equipamentos foi realizada no Colégio Estadual Garcia Filho, com a presença do diretor da escola, Jadson Teles Silva e dos representantes da coordenação, no dia 09 de junho. Durante a visita foi realizada uma breve apresentação das funcionalidades e formas de utilização dos equipamentos, e do próprio projeto Arte com Ciência.



A equipe retornou a Umbaúba para executar as oficinas de multimídias para fechar o processo de educação e cultura digital. Foram apresentados conceitos principais de Fotografia, (enquadramento, planificação, luz, fotografia criativa e cor), além de informações sobre formatos de captação e reprodução de vídeo, e linguagem audiovisual para ferramentas digitais. Foram apresentados conteúdos na área de Som (captação de som, efeitos, gravação de podcast) e Roteiro (como criar um objeto educacional, construir cenas, ser criativo e direto).



Os alunos produziram dois objetos, com a orientação da professora de artes Daniela Virginia, e de português e literatura Renata, tratando de assuntos como Figuras de Linguagem e Genética tratando o tema Daltonismo. Após a oficina de Edição de Vídeo os objetos poderão ser vistos na plataforma Guigoh. 

sexta-feira, 5 de junho de 2015

Articulação com o Colégio Estadual Garcia Filho, Umbaúba, SE

Em função da desistência da continuidade no projeto Arte com Ciência, por parte da diretoria do Colégio Estadual Gumercindo Bessa, localizado no município de Estância, SE, tínhamos como meta incluir uma nova escola estadual de ensino médio no projeto.

A opção principal recaiu sobre o Colégio Estadual Garcia Filho, localizado no município de Umbaúba, SE, por estar na mesma região das demais escolas e também por ter sido recomendado pela Secretaria de Estado da Educação, em função do perfil do diretor e dos professores.


No último dia 19 de maio o coordenador do projeto, por parte do IPTI, Dr. Saulo Barretto, esteve neste colégio para uma primeira reunião, neste caso apenas com a diretoria e com os professores desta unidade escolar. Apesar dos professores da rede estadual de ensino estarem num momento de paralização (greve), alguns dos professores estiverem presentes à reunião, onde tivemos a oportunidade de apresentar o projeto em detalhes, explicar como funciona a implantação da tecnologia social na escola e mostrar alguns resultados, obtidos nas escolas que já participam do projeto.



A receptividade foi muito boa, com os professores afirmando que os alunos da escola de Umbaúba certamente vão se envolver bastante no projeto, porque são muito criativos e dinâmicos. Ficou acertado então que a equipe do Arte com Ciência irá contactar a diretoria da escola para agendar uma reunião e apresentação para os alunos da escola, já levando os equipamentos para a montagem do laboratório de produção multimídia, no caso os equipamentos recolhidos do Colégio Gumercindo Bessa.